quarta-feira, 30 de setembro de 2015


"Somos tão sábios quando ficamos em silêncio, quando guardamos 
a palavra que não agrega, o palpite onde não fomos chamados".


((Pe. Fábio de Melo))

Nenhum comentário: