terça-feira, 5 de novembro de 2013

" A vida nunca foi fácil pra mim. Nasci no limite e cresci nele. Nunca tive 
muitas oportunidades. Minha vida foi marcada pela pobreza, pelas dificuldades 
e pelo sofrimento. Mesmo assim eu insisti que poderia ser diferente. E o que me 
levava adiante era a minha teimosia em sonhar sempre. Talvez seja por isso que hoje, 
no exercício do meu ministério sacerdotal, eu insista tanto em levar as pessoas ao 
cultivo dos sonhos. Sonhos que se abracem à realidade e que se realizem aos poucos, 
pela força de Deus, manifestada na força dos homens". 

((Pe. Fabio de Melo))

Um comentário:

guiomar disse...

Padre Fábio esse é um comentário diferente do que ei faço. E tenho sonhos, dew cuidar de idosos, rtiorar crianças, adolescentes das ruas e da criminadodade, e de ajudar as pessias que não importa se é por opcção delas só seu que é o meu sonho. Mas até hoje não condretrizei nhehum desses sonhos a não ser pela internet, através dela eu consigo fazer muitas coisas, como campanha das drogas, do câncer, sempre aconcelhando as pessoase principalmente as mães. mais o que quero nesno padre é colocar as mãos na massa, poder sentir o que estou fazendo. Padre eu não concretizei meus sonhos por falta de oportunidade das pessoas que sempre colocava alguma coisa para me atrapalhar, estou com 63 anos e sei que vou realizar pelo menos um desses sonhos padre.