sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Padre Fábio de Melo visita Basílica onde estão restos mortais de Odetinha


Atriz Narjara Tureta faz parte da legião de fiéis, que conta ainda com aposentada que conheceu a menina: 'Tinha o prazer de vê-la todo dia'


O Rio de Janeiro está bem perto de ter a primeira santa nascida na cidade, a Odetinha, que morreu com apenas nove anos, em 1939. Mas muita gente acredita que ela já é uma santa, entre elas a atriz Narjara Tureta. Para contar um pouco dessa história de fé, o Padre Fábio de Melo foi até a Basílica da Imaculada Conceição, onde Odetinha fez sua primeira comunhão e também onde estão os seus restos mortais.

 “Conhecia a história da Odetinha através de um jornal daqui do Rio e comecei a frequentar as missas. Sempre tenho os terços para divulgar e dei um para Ana Maria. A história dessa menina realmente merece ser imitada”, disse Narjara, lembrando que virou “mensageira” de Odetinha durante a Jornada Mundial da Juventude, onde participou da via-sacra e presenteou a apresentadora do Mais Você com o terço.
Ainda na Basílica, o padre Fábio de Melo conheceu outras histórias de pessoas que dizem ter testemunhado um milagre de Odetinha e que sempre vão rezar pela menina na Basílica. Um desses fiéis é a aposentada Ada Mignani, que conheceu Odetinha.
 “Conheci aqui no Colégio Imaculada Conceição, aonde ela diariamente vinha assistir à missa com Dona Alice e Seu Francisco, e eu era interna no colégio, tinha o prazer de vê-la todo dia de manhã cedinho”, lembra.
Fonte: Mais Você

Nenhum comentário: