terça-feira, 10 de setembro de 2013

Olhe-se!





É muito fácil nos perdermos do essencial quando não enxergamos, apenas vemos.

Se não tomarmos cuidado, a vida passará por nós e não a perceberemos. Enxergar é saber observar o que realmente importa, o que realmente nos convém.

Uma pessoa que não se enxerga, não avança, não cresce, não supera, fica estacionada, porque tem a incapacidade de se ver.

Preste atenção em você, em quem você é. Permita que o olhar que você tem sobre si seja verdadeiro. Pare de exigir de você aquilo que não tem para oferecer, pois, a partir do momento em que você reconhece a sua verdade, tem a capacidade de crescer.

Quando temos dificuldade de olhar para nós mesmos, corremos o risco de assumir um personagem que não somos.

Olhe-se. Não tenha medo de quem você é, abandone as suas ilusões e as substitua por esperança.

Mas se você não se olha, não lida com sua verdade, corre o risco de desperdiçar sua vida com ilusões que não se realizam.

Se você quiser realmente chegar ao profundo dos seus valores, das regras que te regem como ser humano, retire os seus excessos. Muitas vezes os nossos excessos nos impedem de conhecer a nossa verdade fundamental.

Padre Fábio de Melo

Um comentário:

guiomar disse...

nãqo devemos sentir medo do que somos , mas sim do que podemos ser se não olharmos dentro de nós mesmo. Não devemos semtir vergonha, de quem somos se na verdade até Deus nos aprova co o somos da maneira que somos, então não devemos envergonhar de nossa pessoa. Devemos parar de nos olhar o nosso exterior e só olhar o nosso interior é isso que Deus espera de nós mesmos.