domingo, 11 de dezembro de 2011

Pequenos gestos

Tenho pensado muito no valor dos pequenos gestos e suas repercussões. Não há mágica que possa nos salvar do absurdo. O jeito é descobrir esta migalha de vida que sob as penalidades insiste em permanecer.

São exercícios simples… Retire a poeira de um móvel e o mundo ficará mais limpo por causa de você. É sensato pensar assim. Destrua o poder de uma caluda, vedando a boca que tem ânsia de dizer o que a cabeça ainda não sabe, e alguém deixará se sofrer por causa de seu silêncio.

Nestas estradas de tantos rostos desconhecidos é sempre bom que deixamos um espaço reservado para a calma. Preconceitos são filhos de nossos olhares apressados.

Que cada um cuide do que vê. Que cada um cuide do que diz. A razão é simples: o reino de Deus pode começar ou terminar, na palavra que escolhemos dizer. É simples.

Padre Fábio de Melo

Um comentário:

guiomar disse...

MUITAS VEZES PARA AJUDARMOS A QUEM PRECISA, NÃO É NESCEÇÁRIO MUITA COISA. cOMO O Pe.FABIO DISSE, PODEMOS AJUDAR COM PEQUENOS GESTOS,O AMOR, O CARINHO, O AFETO, O COMPANHEIRISMO, A COMPREEÇÃO DE CADA PESSOA. TALVEZES SE FIZERMOS A NOSSA PARTE, O MUNDO MUDARIA COMPLETAMENTE, SE CADA UM FIZESSE UM POUQUINHO DE CADA COISA, IRÍA MUDAR MUITO. VAMOS TODOS FAZER A NOSSA PARTE, CADA QUAL CUIDAR DE SI, VIVENDO SUA VIDA EM PAZ CONCIGO E COM DEUS, E ELE FICARÁ TOTALMENTE ALEGRE CONOSCO. VAMOS FAZER A DIFERENÇA.